Terça, 18 Março 2008 00:00

Momento dos mais oportunos

Em reunião com dirigentes da Fisenge, Marcos Túlio, presidente do Confea e candidato à reeleição, trouxe à reflexão os desafios para os profissionais do Sistema na perspectiva de um crescimento econômico com sustentabilidade. Um dos maiores entraves tem sido a baixa oferta de mão-de-obra especializada. Embora a constatação não seja nova, o crescente movimento de valorização profissional começa a ter eco. Hoje, em negociações coletivas, o ganho real é significativo. Também os concursos apontam para mudança qualitativa na remuneração dos profissionais.

O momento é oportuno para vencer desafios, a começar pelo atual contexto econômico, com foco nas oportunidades de trabalho. Somos testemunhas da crescente valorização e de uma remuneração mais adequada. Mas precisamos ter clareza do baixo nível de organização e mobilização.

Em tempos de eleições, é necessário refletir sobre a atuação dos conselhos, que ao invés de buscarem representar as categorias, assumindo o papel dos sindicatos e entidades de classe, devem reforçar o papel dessas organizações. O que Marcos Túlio propõe é o alinhamento das lideranças em torno da construção de um projeto nacional.

É no bojo deste projeto que vamos buscar a valorização profissional. Esse é o nosso grande desafio. Marcos Túlio tem trabalhado para reduzir o nível de conflito político entre as categorias, organizações e dentro do próprio Sistema. Esse é um trabalho que deve ser consolidado.

A perspectiva de buscar parcerias, e não disputas, nos leva a ações conjuntas. Sabemos que não temos hoje uma sociedade organizada e mobilizada para defender um projeto de país. Mas sabemos também que temos, entre outras responsabilidades, a organização da sociedade. Devemos buscar a contribuição da área tecnológica para fazer esse país avançar. E mais: com o apoio da base sindical, Confea, Creas e associações, é possível montar núcleos de reflexão que conduzam a um projeto comum em defesa dos interesses nacionais.

Fonte: Jornal da Fisenge, edição fevereiro/março

Este artigo foi publicado em 18/03/2008 às 17:00 na seção Notícias.