Imprimir esta página
Quinta, 07 Junho 2007 00:00

Alemanha também apóia a WEC 2008

O Presidente do Confea, Eng. Marcos Túlio continua buscando o apoio de outros países, para a Convenção Mundial de Engenheiros, a WEC 2008. Na semana passada, ele esteve reunido com o embaixador da Alemanha, Prot Von Kunow, na sede diplomática do país, em Brasília.

"A primeira WEC, realizada em Hannover, Alemanha, no ano 2000, marcou a história da engenharia e demonstrou a capacidade dos profissionais alemães de receberem bem os colegas do mundo inteiro. Desta vez, como anfitriões, queremos retribuir a hospitalidade de vocês", disse o Presidente do Confea ao embaixador. Na reunião, Marcos Túlio pediu apoio em pelo menos duas ações: a divulgação do evento junto aos profissionais alemães e o suporte à delegação germânica que vier participar. "Certamente, a Alemanha será um dos países com maior número de participantes. Primeiro, porque o país criou a tradição de se realizar a WEC a cada quatro anos; e, principalmente, porque a engenharia alemã é referência mundial. É onde a tecnologia de ponta se alia melhor à preocupação com o meio ambiente e sustentabilidade", ressaltou Marcos Túlio.

O embaixador prometeu apoio irrestrito ao evento. Se prontificou a divulgar as ações da WEC e frisou que os alemães terão a estrutura da embaixada à disposição durante o evento. "Tenho acompanhado as primeiras ações de organização da WEC e me chama atenção a preocupação, dentro do programa, com as metas do milênio. Não há dúvida de que a engenharia, uma vez organizada mundialmente, terá participação definitiva no cumprimento de cada desafio", analisou Von Kunow.